Regional de São José dos Campos realiza café da manhã com presidente e associados


A Regional de São José dos Campos realizou na última quinta-feira (28/04) o café de apresentação da nova diretoria juntamente com o Presidente Milton Vieira, em São José dos Campos, sede da 1ª Regional, que ele comandou durante anos.
Foi uma manhã bem movimentada e esclarecedora. O Presidente falou com os associados sobre como chegou à Presidência da maior entidade de classe da América Latina: sem fazer composições e exigindo transparência.
Na ocasião, Milton falou sobre os planos para a sua nova gestão e disse que , em apenas 45 dias na presidência, já percorreu 12 mil quilômetros, visitando batalhões do interior, para se apresentar e ouvir a tropa.
Entre suas primeiras ações, determinou a realização de uma auditoria no departamento jurídico da Entidade. Também se mostrou preocupado com a taxa de suicídio entre os policiais militares e deu esclarecimentos sobre a ação que a Associação impetrou para cessar o desconto da previdência dos veteranos. Lembrou ainda que estamos num ano de eleições e que, por isso, temos que eleger candidatos que nos garantam representatividade.
Pediu que todos acreditem na Associação, garantindo que ele preside uma Entidade lícita onde não existe mais “um balcão de negócios”.
Entre as autoridades que participaram do evento estavam o Ten Cel PM Antonio Pires, Cmt do 46º BPM-I , São José dos Campos; o Major PM Alex Amaral, representando o Ten Cel Ricardo Gabbo, Cmt do 5º BPM-Taubaté; e o Major Paulo Cavalheiro, representando o Ten Cel Warley Miake, Cmt do 1º BPM-I, São José dos Campos.
TRANSPARÊNCIA NAS IRREGULARIDADES
O Dr. Eliezer Pereira Martins, do escritório Pereira Martins Advogados Associados, que representa a ACS nas ações coletivas, fez um histórico da ação de quinquênio e sexta-parte, com todas as irregularidades encontradas nos procedimentos do escritório anterior, que estava tocando o processo e já foi desligado da Associação. Agora, sob o comando dos advogados do escritório Pereira Martins, o processo voltou a caminhar.
As autoridades presentes, que já conhecem o trabalho do Presidente Milton, esperam uma gestão séria e inovadora à frente da presidência da Associação de Cabos e Soldados.
O Presidente, ao rever antigos companheiros de luta, sentiu-se apoiado e grato.